Saiba como nadar no mar de uma forma segura com essas 4 dicas

Dicas

O maior sonho de boa parte dos nadadores é nadar no mar. Para eles, quanto mais pegam gosto pelo esporte e pelas águas, mais se sentem como peixes dentro de um aquário ao nadar em uma piscina.

No entanto, nadar em águas abertas é um esporte que exige muitos cuidados até mesmo para os atletas experientes. Se você é um nadador iniciante, então esses cuidados precisam ser redobrados para que você não coloque a sua vida em risco.

Neste texto nós mostraremos algumas dicas importantes para você que deseja nadar no mar. Ficou interessado? Então continue com a leitura!

1. Nade paralelamente à praia

A dica é muito simples: se você é um nadador novato em águas abertas, então evite ir para o fundo do mar. Para isso, você terá que nadar paralelamente à praia.

Nadando dessa forma, você poderá voltar facilmente para a areia caso se canse ou se machuque durante as braçadas. Além disso, os salva-vidas também poderão socorrê-lo mais rápido se você precisar de ajuda.

Seja paciente e deixe para nadar em direção ao fundo do mar quando você já tiver adquirido experiência em águas abertas e mais resistência física.

2. Evite nadar sozinho

Nadar no mar é muito perigoso, principalmente para quem não tem tanta experiência. Se você ainda é um iniciante, então chame um amigo que tenha mais experiência ou contrate um treinador para acompanhar você durante as braçadas.

Caso algum imprevisto aconteça, você terá alguém ao seu lado para ajudá-lo — por isso é de extrema importância ter a companhia de alguém que nade bem no mar, caso contrário essa pessoa também se afogará ao tentar prestar socorro.

Outra boa dica é avisar o salva-vidas da praia onde você está treinando sobre as suas atividades. Dessa forma, ele ficará alerta e prestará mais atenção em você.

3. Tente não entrar em pânico

Esta dica pode parecer um tanto impossível de ser executada uma vez que o medo é um mecanismo automático de defesa do nosso corpo. O nosso cérebro desencadeia as crises de pânico para nos avisar quando estamos em uma situação perigosa.

Nós não podemos impedir que um ataque de pânico aconteça, entretanto, manter o controle é, sim, possível. Caso você perceba que está entrando em pânico, pare de nadar imediatamente e comece a boiar sobre a água até sua respiração voltar ao normal. Não tente gritar ou chamar a atenção de alguém, isso só vai fazer você se cansar.

4. Tenha cuidado com as ondas

Por mais calmo que o mar esteja, ele sempre terá ondas. As ondas são o maior obstáculo para quem quer aprender a nadar em águas abertas. Enfrentar as ondas é impossível, portanto a melhor opção é saber lidar com esse obstáculo.

A primeira dica para se adaptar às ondas é respirar para os dois lados, pois a onda pode estar vindo na direção do lado que você costuma virar para respirar. A segunda dica é arrebentação, que é o ponto em que a onda quebra. Não espere a onda quebrar para continuar a andar, ao invés disso, tente atravessá-la o mais rápido possível enquanto a onda ainda estiver quebrando.

Antes de se arriscar a nadar no mar, lembre-se de treinar bastante as suas braçadas em piscinas e rios — que é um local aberto mais calmo. Mesmo após ganhar experiência, jamais deixe de seguir as dicas e cuidados citados neste texto.

Você é um iniciante nas águas? Ainda está aprendendo a nadar? Então confira este outro artigo do nosso blog onde nós mostramos dicas para você começar a praticar natação e aprimorar as suas braçadas.

Não existem comentários, envie o seu