A história de um campeão: conheça o recordista mundial Fernando Scheffer

Atletas

Para abrir 2019 em grande estilo, conversamos com o nadador gaúcho Fernando Scheffer, que se  notabilizou em 2018 pelos resultados consistentes, que culminaram com o título e o recorde mundial na prova dos 4x200m livre. Ele se consolidou como um dos principais nadadores do mundo, mas a jornada foi bem difícil. “Muito, muito e muito treino”, afirmou quando perguntado como era sua preparação para as competições. Confira o nosso bate-papo!

A natação é um esporte exigente, que demanda muito preparo e disciplina. Para se tornar um atleta de elite muitas etapas são necessárias. Em um ambiente tão competitivo é de se admirar quando um nadador atinge feitos como um recorde e um título mundial, ainda mais se ele ainda está com apenas 20 anos. Esse é o caso do atleta da Hammerhead Fernando Scheffer, um dos principais nomes da natação mundial na atualidade. Nesta entrevista o gaúcho conta um pouquinho da sua história.

Teve alguma influência para começar a nadar?
Comecei a nadar com meu irmão, em uma academia ena cidade de Canoas (RS). Ele foi meu primeiro espelho e quem me ensinou a ser competitivo.

Quem é seu maior ídolo no esporte? E na natação?
No esporte é o Ayrton Senna e na natação tenho alguns, como Michael Phelps, Kaio Márcio e César Cielo.

Como é sua preparação para cada competição?
Eu treino bastante e na competição procuro deixar acontecer. Não gosto de pensar em tempos ou marcas. Apenas mentalizo a melhor forma de nadar e de me divertir na piscina.

Qual a sensação de ser campeão e recordista mundial?
Acho que a ficha ainda não caiu. Por outro lado, essa cena já passou tantas vezes na minha cabeça que parece algo que ocorreu há anos. De todo modo, ser o melhor da história é uma sensação indescritível e só me motiva a buscar isso (recordes) mais vezes.

Quais são suas próximas metas?
Neste ano teremos o Mundial de Piscina Longa na Coreia do Sul, Pan Americano no Peru, Jogos Mundiais Militares na China, além das competições nacionais. Em 2020 teremos os Jogos Olímpicos. Minha meta é estar no pódio em todas elas.

Qual recado você deixa para quem deseja começar a nadar e se inspira em você?
Nunca desista dos seus sonhos! Não pare de lutar nunca, pois nada é impossível. Quando eu nadava na minha academia, há oito anos, jamais imaginaria que seria recordista mundial. Se dedique ao máximo que o resultado aparecerá.

Scheffer também lembra da importância da Hammerhead na sua carreira. “Estamos juntos há dois anos e sou muito grato por todo suporte que recebo. Com certeza a marca faz diferença em todo o processo”, concluiu o nadador.

Texto Nill Cavalcante, NC Assessoria de Comunicação

Não existem comentários, envie o seu